Pesquise sobre Imigração Canadá

Pesquisa personalizada

École de français québécois

terça-feira, 12 de junho de 2007

Agora sim!! Visões femininas!! :)

Oi gente,

Normalmente eu não escrevo aqui, quer dizer só escrevi uma vez, porque como eu já disse meu marido é muito mais organizado do que eu, graças a ele que sei bastante coisa de blogs, viagens,documentos..... tudo sobre nossa viagem, mas se tem uma coisa que eu adoro fazer é bisbilhotar os blogs, gente é muito bom, eu me sinto como se estivesse lá no Canadá, tem blogs bem simples, bem curtos, mas tem outros com muita informação interessante, afinal é por causa dos blogs que sabemos tantas coisas sobre o processo de imigração, bendito seja aquele que inventou o blog rsrsrs... Então, venho aqui hoje falar sobre um blog que andei lendo neste feriadão, o blog muito, mas muito interessante, nele a Dani e o Ale contam sobre o processo nos mínimos detalhes coisas que em muitos blogs nós não encontramos eles estão lá em Montreal a um mês, eles falam sobre como foi a viagem, o que viram de interessante, pontos positivos, negativos, até o que serviram no avião eles falam, dizem sobre o apartamento onde ficaram em Montreal, sobre como fizeram a mudança pra Laval, gente é muito bom mesmo, aconselho a todos visitarem esse blog, e ainda eles contam tudo de uma forma bem divertida e com fotos minha gente!!! eu amei, descobri muita coisa que meu marido ainda não sabia hahahaha, por causa da Dani, obrigada Dani vc tornou minha pesquisa muito mais fácil e divertida rsrsrs. www.jarrivequebec.blogspot.com/.

Bem, agora vou falar um pouquinho das dificuldades que eu e meu marido estamos encontrando, como todos já sabem somos de Salvador, aqui não tem muitos encontros como vejo em alguns blogs que falam dos encontros dos futuros imigrantes, então temos poucas informações de pessoas aqui da terrinha, temos que enfiar mesmo a cara na internet. Sobre os cursos estamos em um dilema Inglês ou Francês? eita coisa dificil viu? Meu marido saiu do inglês porque não estava dando pra pagar o meu e o dele, pois estamos tentando gastar o menos possível para economizar para a viagem , mas mesmo assim não sobra nada no final das contas hehehe, eita vidinha mais ou menos...mas tudo bem vamos levando e confiando que vamos conseguir economizar mais, então, ele saiu do inglês e eu fiquei, como ele sabe muita coisa e entende bem inglês optamos por eu ficar e ele estudar em casa comigo.. E o Francês? ele procurou, procurou, pesquisou, ligou e pimba!!! encontrou aqui em Salvador uma professora que ensina em casa Francês e que o preço está beleza,e ainda encontrou uma professora que ensina o Francês de Quebec olha que delícia? hahahaha mas essa vai ficar um pouco mais pro final, perto de viajar pq ela é mais cara!!!

Outra dificuldade é a Família, queriamos muito o apoio deles mas tá difícil, já conversamos com alguns parentes e principalmente com minha mãe que é a que não apoia de forma alguma esta viagem, ela diz que é loucura, que não vai dar certo, que não entende porque queremos sair do nosso País, e que não vamos conseguir, de primeira isso veio muito doloroso,pois pelo menos dela "eu" precisava desse apoio, mais depois eu e meu marido percebemos que isso seria uma força a mais para mostrarmos que somos capazes e vamos mostrar que vai dar certo e que vamos conseguir, enfim até hj ela não toca no assunto, finge que não falamos nada e que nós não vamos, que é só conversa.... ah! se ela soubesse hihihihih .

Outra coisa que descobrimos também é que se você tiver um curso técnico e um diploma superior, você tem que utilizar apenas um dos dois para o processo, só vai valer um ,não pode usar os dois para contar como mais pontos, só se forem de áreas diferentes aí sim pode juntar os dois e contar, no meu caso por exemplo entrei no curso técnico de enfermagem e estou terminando a faculdade de enfermagem, no final terei, um certificado do curso técnico e um do nível superior, não poderei juntar os dois, terei que escolher entre o técnico e o diploma de enfermeira, aiaiai, é tanta coisa pra pensar pra decidir, mas se tivermos paciência tudo se resolve.....

Falando em Francês novamente meu maridinho fofinho descobriu um site o bicho pra aprender a língua, é muito legal mesmo www.languageguide.org/ e nele você aprende, Inglês, Espanhol, Italiano,árabe,Japonês... e por aí vai, tem audio,escrita e figuras, é muito legal mesmo, dá pra aprender do começo, recomendo a todos que como eu ainda não podem entrar na aula de Francês, pelo menos uma noção eu estou tendo da língua e já sei falar umas coisinhas mes amis hihihih,.

Meu marido vai me matar vai dizer, porque você escreveu tanto mulher!!! hahahah ah sim gente todos perguntam qual meu nome, porque só falam Tuco, Tuco, é uma longa história, mas resumindo meu nome é um pouco difícil de se entender e falar, é indígena, mas eu não sei porque bulhufas minha mãe resolveu colocar esse nome hehehehe, Meu nome é Oniraci, fica eu e meu marido tentando saber como será que os quebecois vão me chamar hhahaah ainda mais que serei enfermeira e tenho sempre que me apresentar pelo nome imagina??? como vão falar esse bendito nome?? hahhahah, devia ser Tuca neh? ,mas enfim vai entender esse povo.

Bem gente acho que já escrevi demais,hehehe e olhe que eu nem gosto muito de escrever , prefiro falar pq falando eu não tenho como errar a palavra e escrevendo aiaiaia . Como estou de férias estarei mais vezes escrevendo muitooooo pra vcs!!! qualquer novidade eu volto a escrever. bisus mes amis!!! au revoir!! à toute à l'heure!!!! :)

7 comentários:

Sergio e Marilena disse...

Olá Tuco,

acho que a maior dificuldade que encontrei foi o apoio familiar. Como sei que todo mundo é contra não fico puxando muito o assunto, mas fico triste de nao poder dividir as emoções desse processo com eles. Ainda bem que existem os blogs pra dar informações e ajudar a descarregar a ansiedade.

Apareça mais vezes,

Marilena

Ale & Dani disse...

Oi Tuco!!!

É engraçado mesmo chamar uma moça de uma apelido que termina com "o"..hehe...enfim, queria agradecer você pelos comentários HIPER FOFOS e pela propaganda que vc fez do nosso blog...rsrsrs...é isso aí,essa é nossa forma de dividir nossas experiências e ficamos felizes mesmo de poder ajudar outros na mesma situação! ...Outra coisa...não desanima por causa da sua família! Depois que vocês vierem, acho muito provável eles mudarem de idéia viu...não tem como uma mãe não se sentir feliz vendo a felicidade dos filhos!!!
Um grande beijo!
Dani

Cândice Cesar disse...

Olá pessoal!
Entendo a sua questão do dinheiro, eu e meu marido estamos passando pela mesmo situação. Quanto a familia, iremos saber no futuro. Preferimos guardar segredo até tudo se concretizar. Dê uma olhadinha no inglês e francês da UFBA. Eu faço o meu curso de inglês lá, é mais barato. Não sei se vc sabe mas, as palestras para Québec serão dia 25 e 26/06. Se inscreva no site. Tudo de bom!
candicecesar@hotmail.com

Fabio disse...

Olá Dudu e Tuco,

As duvidas realmente são muitas durante todo o processo é necessario refletir muito, quanto ao apoio isso aconteceu comigo, fiquei sem falar com meu pai e minha mãe ficou triste, mas hoje eles já me apoiam e muito.
Desejo boa sorte a vocês.

Abraços

Fábio

**Dani** disse...

Nossa, realmente, familia eh algo complicado. Eu falei pros meus pais que quero ir - e que vou! -, mas mal sabem eles que meu namorado e um amigo tambem vao. Alguns so sabem (fora nos 3, umas 5 pessoas no maximo, e quem sabe ta apoiando muito! Agora vamos ver, ne? Depende da criacao de cada um...

O blog do Ale e da Dani sao sensacionais tambem!
Procure em alguns blogs que tem links para aulas online. E eu ia falar da Federal da Bahia, mas alguem falou ja.Universidades Federais oferecem cursos de idiomas bem mais barato!

Enfim, bonne chance!

Beijos

Juliano Medeiros disse...

Salut !!!
Queria deixar registrado aqui o quanto o Blog de vocês é divertido e de grande utilidade... curti muito a diga do site Language Guide !! Realmente muito bom !!

É complicado mesmo decidir qual a prioridade que se deve dar para atingir todos os requisitos básicos para poder dar inicio ao processo imigrativo...
Concluir a faculdade... 180h de Francês + grana... são coisas bem desafiadoras!!!

Que a gente consiga chegar lá !!!

Abraço,
Juliano.

Fábio disse...

Oí! Tudo bem?
Também sou de Salvador e quando vc falou que sua mãe fica falando em porque sair do país eu me ví... haha!! Minha mãe diz a mesma coisa. Mas vamos que vamos!!
Já falei com Eduardo por e-mail, que tal tentarmos organizar um encontro aqui em Salvador?
Abraços...
Até mais.
Fábio Dultra.